Detalhes do Blog

QUAIS OS TRIBUTOS DO SIMPLES NACIONAL

  • Equipe C&T
  • 25/11/2020

Você conhece os tributos que integram a alíquota do Simples Nacional? O Simples Nacional é um regime compartilhado de arrecadação, cobrança e fiscalização de tributos aplicável às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte, previsto na Lei Complementar nº 123, de 14 de dezembro de 2006. Se diferencia do Lucro Real e Lucro Presumido pela simplificação do pagamento de oito tributos através de uma única guia de recolhimento.

Desde a última atualização em 2018, empresas com faturamento anual de até R$ 4,8 milhões podem ser contempladas dentro deste regime. Todo mês a empresa tributada pelo regime simplificado precisa realizar a apuração da receita no PGDAS para gerar o DAS com o valor a ser pago referente ao período.

Embora o DAS contenha um valor único, isto não significa que os outros tributos não estão sendo recolhidos, pelo contrário.

A legislação prevê o pagamento de oito impostos e contribuições de forma unificada no SN:

- ICMS – Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços;

- ISS – Imposto sobre Serviços;


- IRPJ – Imposto de Renda de Pessoa Jurídica;


- CSLL – Contribuição Social sobre Lucro Líquido;


- PIS/PASEP – Programa de Integração Social / Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público;


- COFINS – Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social;


- IPI – Imposto sobre Produto Industrializado;


- CPP – Contribuição Patronal Previdenciária;

Cabe pontuar ainda, que o percentual de repartição de cada tributo para a formação da alíquota do SN sofre variação conforme a faixa de faturamento da empresa optante pelo regime.







Últimos Blogs

Nossos Parceiros